Live Consulting

EnglishPortugueseSpanish
EnglishPortugueseSpanish
ESG Parte 2: Análise fria desta nova tendência

Data

ESG 2: Seguindo meu artigo de ontem, por que a impossibilidade das pessoas viverem em um local digno causa um dos maiores problemas quando falamos na sigla ESG?

Não é só o S que é afetado, claro ele é o principal pois quem mora em favelas e áreas de risco, invasões e etc., estão sujeitas a condições sub-humanas com respeito a saneamento básico, risco de serem soterrados caso haja um deslizamento ou carregados pela correnteza em um evento de chuva estremo.

O “E” (environment = ,eio ambiente) também é afetado, pois normalmente são ocupações que ocupam áreas que deveriam ser de mata, protegendo encostas e corpos de água, então temos problemas com desmatamento.

As áreas invadidas, as favelas elas não tem saneamento básico, todo o esgoto gerado vai in natura para os córregos e rios da região, causando a contaminação de bacias hidrográficas importantes para o próprio abastecimento para as populações que nela vivem.

Falar de ESG é fácil, mexer na raiz do problema, não.

Mais
Conteúdos